Conectando Talentos capacita 220 jovens aprendizes para entrevistas de emprego

220 pessoas que buscam iniciar a carreira profissional ou buscar uma nova posição no mercado de trabalho estão tendo uma grande oportunidade nesta semana, durante o projeto Conectando Talentos. Nesta edição o foco são os jovens aprendizes, entre 14 a 24 anos, que foram preparados na segunda-feira (14) para as entrevistas que estão sendo realizadas nesta terça-feira (14).
 
A ação é realizada pela Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Politicas Sociais, com apoio da Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (ADRA), Centro de Apoio a Cidadão (CAC), Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC) e Câmara Municipal de Pouso Alegre, que sedia o evento.
 
Durante a abertura, o Prefeito Cel. Dimas ressaltou para os jovens que “é importante que renúncias sejam feitas no dia a dia para que sejam colhidos os benefícios posteriormente. Que não se desanimem com os obstáculos e com os nãos que aparecem. Que mirem nos seus pais como exemplo e tenham eles como fortaleza”.
 
Ao todo, oito empresas - Supermercado Alvorada, Via Mondo, Britasul, Associação Jovens do Amanhã, Escola Ensino Mais, Ultrapão, Clia e Méthodos – estão participando desta edição do projeto.
 
“Nós temos notado que nessas ações mais empresas têm aderido, assim como os participantes. Por isso, é tão importante essa preparação para que nesse primeiro dia sejam feitas e fortalecidas as orientações de preparação para as entrevistas de emprego. Aqui elas recebem todo acompanhamento desde como montar um currículo, como se comportar em uma entrevista de emprego e até a entrevista de fato já agendada com as empresas. Além disso, também tem uma palestra com uma psicóloga para trabalhar todos os pontos importantes. É uma política pública, um direito fundamental”, destaca a Secretária Municipal de Políticas Sociais, Marcela Reis Severino do Nascimento, a procura dos dois lados têm aumentado.
 
O projeto conectando talentos é uma extensão do Programa de Acesso ao Mundo do Trabalho (ACESSUAS) e é voltado para pessoas com vulnerabilidade sociais previamente cadastradas nos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) do município.