Programa Criança Feliz bate meta de atendimentos no primeiro mês

Com o trabalho iniciado n primeira quinzena de junho, após a capacitação da equipe técnica, o Programa Criança Feliz (PCF), elaborado pelo Governo Federal e desenvolvido em Pouso Alegre pela Secretaria de Políticas Sociais da Prefeitura, ultrapassou a previsão de atendimentos estipulada para o mês. A meta de 180 visitas foi batida e o período é fechado com mais de 200 contatos com famílias em vulnerabilidade social do município.

O Programa Criança Feliz busca formalizar e reforçar o compromisso no fortalecimento das políticas públicas voltadas para a primeira infância. Tem como público alvo as famílias com gestante e crianças na primeira infância, em situação de vulnerabilidade e/ou risco pessoal e social, priorizando-se aquelas que estão inseridas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal: gestantes e crianças de 0 a 6 anos de idade que recebem o Beneficio de Prestação Continuada – BPC.

Segundo o secretário municipal de políticas sociais João Batista de Lima, “o objetivo do Programa é a evolução humana a partir do apoio e do acompanhamento do desenvolvimento infantil integral na primeira infância, o apoio à gestante e a família na preparação para o nascimento e nos cuidados, além da colaboração no exercício da parentalidade, fortalecendo os vínculos e o papel das famílias para o desempenho da função de cuidado, proteção e educação de crianças na faixa etária, acompanhada de forma a promover um desenvolvimento integral da criança”.

A meta pactuada com o Governo Federal é de 600 atendimentos mensais para os próximos meses. As visitas acontecem nos bairros abrangidos pelos Centros de Referência de Assistência Social – CRAS e ainda pela equipe volante nas localidades da zona rural do município.